Memórias da tecnicização doméstica: três gerações em narrativa

Investigador responsável: Constança Vieira de Andrade
Grupo de investigação: Práticas e Políticas da Cultura
Tipo de projeto: Doutoramento
Estado: Em curso
Palavras-chave: Tecnicização | Ambiente doméstico | Antropologia cyborg


Instituição principal: CRIA
Instituições participantes: n.a.
Financiamento: FCT
Referência: SFRH/BD/85964/2012
Data de início: 01-02-13

Mais informação:

Resumo

O projecto proposto nasceu da constatação da não existência em Portugal de estudos sobre o impacto da técnica no meio doméstico. Dado o papel fundamental que a técnica de origem industrial tem tido em grande número de sociedades – sobretudo desde o século XIX – será essencial para a compreensão das sociedades que a utilizam nos séculos XX e XXI saber como se alteraram as vivências pessoais e familiares e que novos paradigmas sociais criaram os aparelhos tecnológicos de utilização doméstica. Tenho portanto como intenção estudar as memórias do universo doméstico urbano e das alterações que este último foi sofrendo ao longo dos séculos XX e XXI com a aquisição de produtos tecnológicos. Pretendo para tal abordar a progressiva tecnicização do âmbito doméstico e através dos dados recolhidos analisar as mudanças que os mesmos provocaram nas relações e representações sociais.

Investigadores do CRIA

IDNomeFunçãoProjTítuloTipo de projetoEstado
pub82*Jorge Freitas BrancoOrientador/Supervisorproj83*Memórias da tecnicização doméstica: três gerações em narrativaDoutoramentoEm curso
pub336*Constança Vieira de AndradeBolseiroproj83*Memórias da tecnicização doméstica: três gerações em narrativaDoutoramentoEm curso
Outros investigadores

InvestigadorFunçãoInstituiçãoProjOutrosTitulo_PT