Atlântico passional: mobilidades e configurações transnacionais de intimidade euro-brasileiras

Investigador responsável: Octávio Sacramento
Grupo de investigação: Circulação e Produção de Lugares
Tipo de projeto: Doutoramento
Estado: Concluído
Palavras-chave: Intimidades | Mobilidades | Transnacionalismos | Europa | Brasil


Instituição principal: CRIA
Instituições participantes: n.a.
Financiamento: FCT
Referência: SFRH/BD/60862/2009
Data de início: 00-01-2010

Mais informação: link

Resumo

A partir de uma perspectiva crítica do conceito de turismo sexual, a tese explora as configurações transnacionais de intimidade heterossexual adulta entre mulheres brasileiras e homens europeus iniciadas no âmbito das estadias turísticas destes últimos no bairro balnear de Ponta Negra, na cidade de Natal-RN, no Nordeste brasileiro. Em simultâneo, debate as deslocações transatlânticas que, intrinsecamente, estão implicadas na aproximação passional de ambas as partes. Na análise assume-se a impossibilidade de traçar uma linha inequívoca entre relacionamentos comerciais e não comerciais, entre programas e relações ditas normais ou por amor. A principal preocupação passa por compreender, no quadro de correlações de economia política, nacionalidade e identidade (com grande densidade histórica), e à luz de circunstâncias biográficas dos actores sociais, as expectativas e práticas constitutivas dos seus espaços de intimidade. Algumas das relações extravasam o tempo e o lugar do encontro inicial e têm continuidade após o regresso dos turistas aos respectivos países, produzindo novas e sucessivas mobilidades – nem sempre enquadráveis, de modo estrito e dicotómico, no binómio turismo/migrações – dos europeus para o Nordeste do Brasil e das suas companheiras brasileiras em sentido inverso. Assim, além de Ponta Negra, o sítio etnográfico de partida e de referência, são considerados outros contextos, na Europa e no espaço digital, envolvidos na rede de fluxos associada aos vínculos iniciados nos trópicos e, parte deles, mantidos à distância segundo formatos que, frequentemente, resultam em cenários flexíveis de conjugalidade e residência.

Investigadores do CRIA

IDNomeFunçãoProjTítuloTipo de projetoEstado
pub139*Miguel Vale de AlmeidaOrientador/Supervisorproj118*Atlântico passional: mobilidades e configurações transnacionais de intimidade euro-brasileirasDoutoramentoConcluído
pub349*Octávio SacramentoBolseiroproj118*Atlântico passional: mobilidades e configurações transnacionais de intimidade euro-brasileirasDoutoramentoConcluído
Outros investigadores

InvestigadorFunçãoInstituiçãoProjOutrosTitulo_PT
Fernando Bessa RibeiroOrientador/SupervisorUTADproj118*Atlântico passional: mobilidades e configurações transnacionais de intimidade euro-brasileiras