As Maias e os Maios em Portugal, etnografia de dois casos

Investigador responsável: Catarina Freire Leal
Grupo de investigação: Práticas e Políticas da Cultura
Tipo de projeto: Doutoramento
Estado: Em curso
Palavras-chave: Festas das Maias e dos Maios | Ritual | Performance | Patrimonialização.


Instituição principal: CRIA
Instituições participantes: n.a.
Financiamento: FCT
Referência:
Data de início:

Mais informação:

Resumo

As Maias e/ou os Maios, celebradas no primeiro de Maio, inserem-se, genericamente, no quadro dos festejos da Primavera, comuns a vários países europeus. As formas feminina e/ou masculina do termo designam diferentes práticas dessa mesma celebração, que varia consideravelmente em função do contexto geográfico e social onde se desenvolvem. A literatura sobre as celebrações das Maias em Portugal tem-nas perspectivado enquanto rituais para assinalar o fim do Inverno e o começo de um novo ano agrícola, registando diversos elementos materiais das celebrações e retratando-as como “tradições” específicas de cada região, com o propósito explícito de promover a sua conservação e disseminação.A minha proposta visa,por outro lado, estudar as Festas das Maias não como património estático, mas considerando-as como uma expressão viva e simbólica, um processo cultural e dinâmico, socialmente construído, desenhado por forças humanas, políticas e históricas e dependente de relações de poder (Kirshenblatt-Gimblett, 2004; Bortolotto, 2007).

Investigadores do CRIA

IDNomeFunçãoProjTítuloTipo de projetoEstado
pub63*Frédéric VidalOrientador/Supervisorproj377*As Maias e os Maios em Portugal, etnografia de dois casosDoutoramentoEm curso
Outros investigadores

InvestigadorFunçãoInstituiçãoProjOutrosTitulo_PT